15.3.10

Paralelismo




Metamorfose e Mimetismo


O paralelismo inicia-se de mudança de ideias, que despontou como um lampejo e me fez partir para elaborar um desenho de pensamento. Quando essa ideia encontra outra ideia, tanto acontece que as duas relações se compõem para formar um todo mais potente.
Este ciclo de vida determina um processo criativo, associado ao estado de metamorfose, de maneira similar ao da borboleta no seu primeiro estado. Essa metamorfose deixa-me transparecer o mundo real e o mundo interior.
Um ser se transforma, se acomoda no espaço, se confunde com ele e muda de textura através da visão. Num pequeno instante, surgirá a escrita de uma nova história, com necessidade de sentir a raiz firme das coisas, e um outro mundo se descortina diante dos meus olhos.
Pelo auto-conhecimento, pelo desejo de mudança e nascer de novo é algo sintomático. Esse enorme rasgo onde sai a figura feminina, remete-me claramente à ideia de um parto. Como uma criança que sai das entranhas da mãe, essa mulher representa a mais profunda ânsia por uma nova vida.
Escrevo para que continue, mesmo se para tal tenha de mudar de forma, mesmo que me leve a contemplar paisagens, deixo-me inundar de puro luar libidinal.

LUmeNA

16 comentários:

Norma Villares disse...

Gostei de seu texto, bem escrito...
Essa metamorfose ambulante que desenhos destinos...
Grande abraço

Lumena disse...

Norma Villares,

Grata pela tua visita!

É uma metamorfose sempre a transformar-se, sempre mudando como uma borboleta.
O tempo passa e todos os desenhos se desenvolvem. O meu coração ama o desenho e abraço o esboço.

Um Grande Abraço,
Lumena

Mulher na Polícia disse...

Novas formas, novas ideias, novos horizontes novos objetivos às vezes custam caro!

Sementes, por exemplo, precisam morrer pra que haja nascimento da planta.

Que lindo o seu texto.
Que lindo o seu blog!

Irene disse...

Olá, Lumena !!!

Prazer em te conheçer.
Inicialmente, queria te agradecer por seguir o meu blog. Muita gentileza sua.
Vim visitar seu blog e observei que vc escreve muito bem. Assim, tbm, me tornei sua seguidora. Tenho certeza que essa aproximação será muito positiva para nós duas.

Sobre seu post.....eu venho refletindo muito acerca da mudança. É complicado aceitar "o novo" em nossas vidas. Complicado pq já estamos habituados com "o velho". No entanto, tem uma frase que diz assim: se fizermos sempre as msm coisas, conseguiremos sempre as msm coisas.
Em resumo, mudar é um desafio ousado, mas a ousadia pode representar, no futuro, uma importante fonte de alegria.

Um abraço !

Lumena disse...

Mulher na Polícia,

Grata por me visitar.

"Novas formas, novas ideias, novos horizontes novos objetivos às vezes custam caro!"

Não vejo dessa forma, mas quando queremos conquistar novos objectivos na vida, novas formas de aplicar na vida, novas ideias e horizontes, os alcançaremos.
A felicidade não se ganha, mas se focarmos toda a nossa energia, a conquistamos.
Cada dia é uma conquista, cabe a mim conquistar o que terei amanhã.

Um Abraço,
Lumena

Lumena disse...

Irene,

Grata também por me seguir.

"É complicado aceitar "o novo" em nossas vidas. Complicado pq já estamos habituados com "o velho"."

Isso é apêgo.
Nunca devemos nos deixar ficar sempre pelas mesmos objectivos na vida. Há que mudar, quando é necessário, mesmo que seja ousadia, uma importante conquista, no bom sentido!

Um Grande Abraço,
Lumena

jair machado rodrigues disse...

Minha Cara Lumena, encontro de idéias e a formação de uma nova, mais forte; acho que somos meio assim, com a possibilidade de acordar todo dia e um novo dia, uma nova vida na mesma vida, as possibilidades de transformação, de melhorar-mos. O que pode ser uma ilusão também, achar que mutei e na verdade camuflei-me..., enfim, instigante teu texto.
ps. sou muito feliz por ser mais próxima de mim agora, OBRIGADO.
Grande abraço

Lumena disse...

jair machado rodrigues,

Grata pela tua visita.

"O que pode ser uma ilusão também, achar que mutei e na verdade camuflei-me...,"

Pode ser uma ilusão se se deixar que isso aconteça.
sermos verdadeiramente livres, libertos até dos nossos preconceitos e conceitos, mas, antes numa de liberdade interior total e de limpeza incondicional, é necessário.

Um Grande Abraço,
Lumena

tonhOliveira disse...



ilumenada!

Ops!

Iluminada pelo lume da LUNA!

Gostei!

iLUMYNARTista és!

be:)os e ABRAÇ♥S!

Lumena disse...

tonhOliveira,

Criatividade ímpar.
Simplesmente bonito, o teu comentário!

Grata, muito grata!

Grande Abraço,
Lumena

Edson Carmo disse...

Metamorfose é uma mudança definitiva, algo transcendental. Já o mimetismo é apenas uma mudança passageira, uma mudança que não pode manter-se mudança.

Quero colocar assim:
• Metamorfose = a uma pessoa antes infeliz por não ser, agora feliz por ser.
• Mimetismo = a uma pessoa antes infeliz por não ter, por hora feliz por ter.

Edson Carmo

Eduardo Aleixo disse...

Tema importante, o teu. Mas falas da mudança interior. Ou foi essa que eu percebi. A que me interess, se quiseres. O auto-conhecimento é que dá a consciência de não me sentor bem nesta pele. Vislumbro o caminho diferente e novo como necessaário. A outra pele está pronta e visível para eu vestir. Mas o salto não se dá logo. O peso dos apegos velhos, os velhoa parâmetros, é grande. Estamos apegados aos apegos e confundimo-los com amor. Temos medo da pele nova que espera por nós. Há que vemncer o medo para que o parto se dê. Acho que o momento do parto depende da nossa vontade e do facto de estarmos prontos.Mais do que o medo do futuro e do desconhecido é a segurança, embora não traga felicidade, o que nos prende. E, no entanto, é sabido que aquilo que deixamos no caminho é compensado por outras energias, mais subtis, que vêm alimentar a nova fase em que passamos a viver. O autoconhecimento é fundamental para sabermos dar valor ao que é novo e dizermos adeus com compaixão ao que já foi consumado.
Abraços

Dark angel disse...

Muitos Parabéns por este recomeço!
Aproveito para dizer que lhe atribuí o selo com que abriu este novo trabalho.

Abraço.

LUmeNA disse...

Edson Carmo,

Excelente comentário! Grata.

A felicidade é simplesmente natural.

Grande Abraço,
LUmeNA

LUmeNA disse...

Eduardo Aleixo.

O auto-conhecimento leva-nos a uma profunda viagem ao nosso interior, fazendo-nos compreender porque reagimos a uma determinada situação, tornando-nos capazes de fazer uma escolha mais consciente, e que consequentemente nos levará a uma satisfação e sentido de vida cada vez mais significativo.
o auto-conhecimento leva-nos ao desen-volvimento da nossa Consciência, em direcção da nossa verdadeira essência de Amor, uma viagem que exige mais coragem do que segurança.

Abraços,
LUmeNA

LUmeNA disse...

Dark angel,

Grata pela atribuição, e já é a 4.ª vez que o recebo. É bastante gratificante sermos reconhecidos de forma tão singela.

Grata e Abraços,
LUmeNA